• Ricardo Rochman

Você é nota 1000? Cuide do seu score de crédito!

Em outro post falei dos nossos dados serem usados sem nossa permissão pelo Cadastro Positivo e anuência da LGPD. Os birôs de crédito constróem scores (notas) que medem nossa qualidade de crédito (eles fazem isso para nos proteger? ou proteger os bancos?).


Divulguei os meus scores: 972, 898 e 598. Estes scores são criados pelos diversos birôs com diferentes metodologias, modelos, bem como diferentes bancos de dados que eles possuem. E pelas minhas 3 notas se pode perceber que são 3 diferentes metodologias (lembro que a nota do quarto birô eu não peguei porque eles queriam minha selfie, mais cópia de documentos etc, aí achei demais).


Eu espero que na próxima vez que alguém for consultar meu score, o faça pela Serasa (foi quem me deu a melhor nota: 972), mas não pelo SPC (minha pior nota). Aliás, pelo SPC eu nem passaria nas disciplinas que leciono onde a média para passar é 6 (ou 600 na escala de 0 a 1000 dos scores).


Entendam que os scores podem ser gerenciados, ou seja, consultem seus scores e vejam os dados que foram usados, com isso podem melhorar as notas futuramente (isso é fácil). A LGPD permite que você conteste essa nota e solicite explicações sobre como ela foi atingida, faça-o. 


Acho que terei que pedir revisão de prova para o SPC :-((


Aliás, você é nota 1000? Pelos modelos provavelmente ninguém é, pois todos possuem uma pequena probabilidade de atrasar contas, ou se endividar, ou dar calotes, por isso o score 1000 é praticamente inatingível.



12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo