• Ricardo Rochman

Filmes para o final de semana: Inteligência Artificial

Inteligência artificial, aprendizado de máquina, ciência de dados, robótica são tecnologias cada vez mais presentes no cotidiano (de formas que nem se percebe) e causando grandes impactos na economia hoje, e impactará cada vez mais no futuro devido a quantidade de dados que surgem e podem ser usados. Seguem algumas sugestões de filmes e documentários para conhecer mais sobre o tema e pensar sobre o assunto:


  • Dataland (Prime Video, 2019, https://www.imdb.com/title/tt12020456/): é um documentário que mostra diversas aplicações de inteligência artificial e ciência de dados, que já estão em andamento e que tem grande potencial futuramente, bem como o investimento realizado pelas big techs na área. Algumas como Google e Facebook investem pesado na área, e têm alguns dos maiores pesquisadores do assunto no mundo: https://ai.google/, https://ai.facebook.com/


  • Ex_Machina: Instinto Artificial (2014, https://www.imdb.com/title/tt0470752/): é um filme que mostra tanto o desenvolvimento de uma robô e sua inteligência artificial, um elaborado teste de Turing (https://www.youtube.com/watch?v=S9gus8GY4g8, criado para checar se o computador pode se passar como um ser humano), conflitos morais que deveremos resolver com o avanço da inteligência artificial, e é um filme para ver mais de uma vez e refletir. No seu livro "Eu, Robô" de 1950, Isaac Asimov redigiu as leis (ou regras) da robótica: (1) um robô não pode ferir um ser humano ou, por inação, permitir que um ser humano sofra algum mal; (2) um robô deve obedecer as ordens que lhe sejam dadas por seres humanos exceto nos casos em que tais ordens entrem em conflito com a primeira lei; (3) um robô deve proteger sua própria existência desde que tal proteção não entre em conflito com a primeira ou segunda leis. Entendam que se computadores conquistarem o livre arbítrio (algo próprio do ser humano), e ignorarem as 3 leis da robótica, então a raça humana pode ter seu futuro comprometido. E já temos que abordar tais questões hoje, pois com os carros autônomos surgem problemas morais, como, por exemplo, o que devemos fazer no caso de um pedestre passar na frente do carro e não for possível frear? Devemos preservar a vida do pedestre ou do passageiro do carro?


  • This Giant Beast That is the Global Economy (Prime Video, 2019): é uma série documental e divertida, recomendo ver todos episódios, mas o episódio 4 "A.I. is the Future. Will it Keep Us Around to Enjoy It?" (https://www.imdb.com/title/tt9617860/?ref_=tt_eps_rhs_2) aborda o tema da inteligência artificial e seu desenvolvimento, incluindo alguns exemplos de abordagens que misturam inteligência artificial com o comportamento em grupo (enxame ou swarm) do ser humano, assim como a questão do emprego no futuro.


  • Como ganharemos dinheiro em um futuro sem empregos, TED Talk de Martin Ford (2017, https://www.ted.com/talks/martin_ford_how_we_ll_earn_money_in_a_future_without_jobs?language=pt-br): este vídeo aborda a questão do desemprego em um futuro em que a inteligência artificial e automação ocuparão o mercado de trabalho. Discute a ideia da Renda Básica Universal (Universal Basic Income, UBI) que vem sendo defendida pelas big techs, para garantir o bem-estar da população que perderá sua ocupação graças a inteligência artificial. Mas na minha opinião criará uma geração (ou gerações) de pessoas deprimidas, que perderam sua relevância na sociedade. Vimos por causa da pandemia que a ideia de uma renda mínima não é ruim, muito pelo contrário, mas as pessoas precisam de trabalho, atividades e sentir que estão contribuindo para ao grupo e sociedade que pertencem.


  • AlphaGo (Netflix, 2016, https://www.alphagomovie.com/): é um documentário sobre como um sistema de inteligência artificial desenvolvido pela Deepmind (posteriormente adquirida pela Google) disputou e venceu (spoiler) o campeão mundial de Go, Lee Sedol, em uma competição de cinco partidas. O jogo Go é considerado mais difícil para modelar e jogar computacionalmente que o xadrez. O interessante é entender que a inteligência artificial não tem medo de errar para aprender, o que faz com que ela chegue a soluções simples e impensadas.



#ai #ia #inteligenciaartificial #datascience

47 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Gosto de esculturas mas confesso que não sou fã de estátuas, mas na segunda-feira (21/09) uma notícia me deixou bastante chateado, pois no Recife vandalizaram a estátua do escritor e dramaturgo Ariano